REVIEW | Darksiders: Warmasterd Edition – PlayStation 4

Darksiders foi um dos bons jogos de ação e aventura no PlayStation 3. Com mecânicas que lembravam God of War, o jogo foi bem recebido e vendeu muito bem, agradando aos fãs do gênero.

Com isso em mente, nada mais justo que o game recebesse um Remaster para o PlayStation 4, até por que, se não for assim, você não poderia jogar, já que não há retrocompatibilidade no PlayStation 4. Sendo assim, confira abaixo a nossa analise de Darksiders Warmastered Edition para PlayStation 4.

Entretanto, acontece que ele foi prematuramente convocado e é incriminado para iniciar o apocalipse muito cedo. War está agora pretende restaurar o equilíbrio ao mundo e limpar seu nome. Apesar de ser um historia bem rasa, ela te mantém minimamente preso ao jogo, o que já esta de bom tamanho.

O Jogo


Em Darksiders você vai jogar com War, um dos quatro cavaleiros do apocalipse. War chega à Terra onde a batalha final parece ter começado; com exércitos de anjos e demônios travando guerra, e a humanidade presa no meio.


Ademais, em Darksiders não há muito o que falar. O jogo é praticamente unilateral, fazendo com que o jogador aprenda tudo que é possível para que possa seguir em frente. Apesar de ter bastante armas e golpes, você em muitas vezes será obrigado a aprender determinado movimento para seguir em frente.

O jogo também tem boa diversidade de armas, o que faz com que o jogador tenha diversas opições. Nao que você va jogar com todas, mas independente disso, assim como nos movimentos, você vai precesar delas para acessar um local especifico e conseguir seguir em frente.

Falamos da associação de Darksiders com God of War anteriormente. Uma das coisas mais parecidas entre eles, é a finalização. War também tem a possibilidade de fazer finalizações brutais, assim como o “Bom da Guerra’.

Gráficos


O jogo mantém a qualidade do primeiro jogo, com gráficos bem coloridos e diversos. O jogo roda muito bem, e mesmo quando a taxa de quadros cai, você não tem gráficos muito feios. Rodar 60 fps a 1080 fez o jogo ficar ainda mais bonito.

Ademais vale ressaltar, que no PlayStation 4 Pro, o jogo roda em 4K, mas o console que usamos foi o PS4 Base mesmo. Outro detalhe bem legal é que a sincronização labial ficou muito boa, algo que não era possível no PlayStation 3.

Dificuldade


Darksiders Warmastered Edition mantém o grau de dificuldade de sua versão original. É um jogo de dificuldade mediana se você pretende apenas terminar o jogo. Ademais, se você pretende platinar o jogo, ai as coisas se complicam.

O jogo tem uma vasta possibilidade de customização, na barra de energia, magia, armadura e armas. Com isso a quantidade de coletáveis é imensa. O jogo não tem a possibilidade de seleção de fase após seu termino, o que dificulta bastante.

Entretanto, você ainda pode visitar a maioria dos mapas do jogo caso tenha deixado algo para trás, porem isso vai demandar bastante tempo, por isso, se você pretende platinar o jogo, escolha um bom guia de colecionáveis e não deixe nada para trás.

Conclusão


Darksiders Warmastered Edition é um bom jogo de ação assim como seu antecessor era, as maiores vantagens perante seu antecessor é a qualidade gráfica e uma jogabilidade mais cadenciada, fora isso é praticamente o mesmo bom jogo.

Caso queira saber um pouco mais sobre o jogo, não deixe de conferir nossa gameplay completa logo abaixo, com muitos coletáveis. Um forte abraço a todos é até nosso próximo review.

https://youtu.be/U0YczEQszL4

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *